28.10.10

Em memória do 5 de Outubro de 1910

 Proclamámos a República!  Da varanda da "Nuno" , e perante a multidão que somos, deixámos viva a memória daquele 5 de Outubro de 1910 que nos trouxe a República. Muitos foram os que aplaudiram o discurso proferido pelo "nosso" José Relvas e que aqui reproduzimos na íntegra, congratulando, ao mesmo tempo, os alunos do 9º1ª e 9º2ª, que o produziram.





CIDADÃOS!


Republicanos

Depois desta noite de intensa luta, começo por vos agradecer e vos saudar fraternalmente em nome do Partido Republicano Português pela vitória que alcançámos.
Foram precisos séculos para chegarmos aqui, a este dia em que nos libertamos finalmente deste regime de arrogância e de tirania.
Companheiros! No reino de Portugal os valores da responsabilidade cívica, da determinação e da audácia são ensinados ao povo, mas preteridos pelos próprios chefes.
No reino de Portugal todos trabalham para a ascensão de alguns. De hoje em diante, cada um esforçar-se-á para glória comum.
Companheiros! A monarquia já mostrou bem aquilo que quer do nosso país, uma coutada em que damas e fidalgos brinquem todo o dia à caça e à guerra, sustentados por nós, servos. É por isso que, nesta manhã, resolvemos transformar a realidade.
Meus irmãos! Somos fundadores de uma Hora Nova e, com ela, uma Nova Nação! Hoje Portugal quer dar o salto. O salto do reino da vergonha para uma Pátria em que é concedida a dignidade ao cidadão.O grande salto da carruagem decadente da Monarquia para o comboio veloz da República , alimentado com o carvão da Democracia e sobre os carris firmes da Liberdade.
Neste novo país, sentar-nos-emos no trono da Igualdade, gritando alto ao mundo que a nobreza não está na cor do sangue, mas no tamanho do coração. Viva Portugal! Viva a República!

A multidão que somos

A bandeira que nos (re)une


Aspecto do painel com que assinalámos o dia




A Daniela, do 8º 1ª cantou "A Portuguesa", personificando a República.


18.10.10

O 10 DE JUNHO NA NUNO

 Para assinalar o 10 de Junho, os alunos do 9º ano, juntamente com os mais pequeninos do Agrupamento, realizaram, no átrio da escola, uma série de actividades .
 "A Portuguesa", foi magistralmente interpretada pela Maria João Pica, pois claro... acompanhada pelo António Carvalho, ao violino. E os mais pequeninos também cantaram !

Para além dos trabalhos lidos pelos alunos, foi também "construída " a bandeira verde e rubra.                                   


 E todos cantámos em uníssono o hino pátrio.

VIVA A REPÚBLICA!




VIVA A REPÚBLICA NA PRAÇA DO MUNICÍPIO




No âmbito do encerramento das actividades lectivas e das comemorações do

centenário da República, perto de 300 crianças invadiram a Praça do Município

para uma encenação inédita. Trajadas à época, subiram à varanda dos Paços

do Concelho - de onde, há 100 anos, foi proclamada a República - e gritaram a

plenos pulmões “Viva a República” acenando a bandeira portuguesa. A seguir,

entoaram o Hino Nacional.

Foi assim que representantes das escolas EB1Nº1 de Lisboa, a mais antiga da

cidade, EB1 dos Anjos e Jardim de Infância da Pena, deram largas ao que



aprenderam durante o ano lectivo nas aulas. “A História faz parte da nossa

cultura e identidade”, adianta Teresa Pais, coordenadora dos estabelecimentos

de ensino referidos “e é importante que as crianças percebam que podem fazer
ouvir a sua voz”.





O vereador Manuel Brito, responsável pelo pelouro da Educação, também não

quis ficar de fora da festa, bem como os pais das crianças envolvidas e os

professores .










24.5.10

Quem sou eu?

 A resposta correcta era... Columbano Bordalo Pinheiro.

  Parabéns à Joana Garcia , nº 12 do 7º 3ª, a vencedora dos meses Abril/ Maio.
   Mas há outra biografia no painel! Concorre. Boa sorte!

18.5.10

Festejar a República AENG - A revolução de 25 de Abril

No âmbito das comemorações do Centenário da Implantação da República, esteve na nossa Escola, no passado dia 20 de Abril, o director do Museu da República e da Resistência, Dr. João M. Mascarenhas, que, de modo informal, mas profundamente conhecedor, revisitou com os alunos das quatro turmas do 9º Ano a História Portuguesa recente, nomeadamente, o período que antecedeu a revolução do 25 de Abril.


Começou por estabelecer a relação entre os valores que nortearam a 1ª República e os retomados com a Revolução dos Cravos. Abordou, igualmente, o ambiente político e social que antecedeu e conduziu ao movimento dos capitães que, com o apoio da população, culminou numa mudança radical, mas pacífica, do regime.

Finalmente, respondeu às numerosas questões que lhe foram colocadas pelos alunos e que abordaram aspectos tão variados como: a liberdade de expressão; os acontecimentos do dia 24/25 de Abril; as expectativas criadas e concretizadas, ou não, até ao presente; o perigo do regresso de uma ditadura …

À despedida, o Dr. João Mascarenhas, demonstrando mais uma vez a sua amabilidade, disponibilizou-se para conversar com os nossos alunos, sempre que a Escola o solicitasse.

Será sempre bem-vindo.
Bem haja!



4.5.10

25 de Abril, sempre!


Para comemorar mais um ano da Revolução de Abril , o CRE e o Departamento de Ciências Sociais e Humanas organizaram uma actividade dirigida aos alunos do 6º ano. Depois de recordarmos os principais momentos deste dia, através de um filme-documentário, realizamos um pequeno trabalho sobre o tema e debatemos os valores e as conquistas da madrugada dos cravos.

E porque é sempre bom saber mais e melhor, à  disposição de todos  estavam também   livros e outros suportes relativos a esta data tão importante da nossa História.

À entrada, uma pequena exposição de cartoons da autoria  de João Abel Manta e Siné, publicados em 1974 e 1975, davam o  toque de ironia à memória desse tempo que nos devolveu a nós, povo português, a liberdade,  interrompida em 1926.

ACTIVIDADES DO CENTENÁRIO DA REPÚBLICA DO AGRUPAMENTO

Para visualizares todas as actividades no âmbito das comemorações do centenário da República clica  AQUI!

20.4.10

Percursos de Poesia - 6 poetas escritores.

Tal como já tinhamos noticiado, decorreu  no CRE da Nuno a exposição "Percursos de Poesia". Este evento tinha como objectivo, entre outros,  divulgar os valores da República através da poesia. Paralelamente, foram desenvolvidas muitas actividades pelos alunos do 3º Ciclo. Eis aqui alguns momentos que vale a pena guardar na memória...


Momentos de pesquisa e de trabalho...

Um pormenor da exposição dos trabalhos.
Parabéns aos alunos que se envolveram nesta actividade!

16.3.10

QUEM SOU EU?



A resposta certa do mês de Fevereiro era... ALFREDO KEIL, pois claro!
O vencedor do concurso foi o Umaro, nº 26 do 6º F.
Há outra biografia no painel... passa pelo CRE, investiga e participa! Não te esqueças... tem tudo a ver com a REPÚBLICA!

Exposição- Percursos de Poesia

Brevemente daremos mais notícias sobre esta actividade. Passa pelo CRE!

16.2.10

Participa no "Quem sou eu?"




Há uma nova biografia no CRE, no painel do nosso concurso. Não te esqueças de concorrer! Damos-te uma "dica" importante: a partir deste mês (Fevereiro), são sempre personalidades ligadas ao tema REPÚBLICA... investiga e concorre! Boa sorte!

15.2.10

Vamos pintar o Nuno?


Vamos vestir o Nuno com as cores da República?
Lançamos-te o desafio!Faz um desenho, ou pinta o patrono da nossa escola com as cores da bandeira. Os melhores serão publicados no blogue!Entrega o teu trabalho no CRE!

11.2.10

O Regicídio na Nuno


Procurámos retratar as reacções dos diferentes grupos sociais perante a morte do Rei e do Príncipe herdeiro, a 1 de Fevereiro de 1908. Era o princípio do fim da monarquia.

Hoje é o dia!

Inauguramos hoje o nosso blog, que vai divulgar todas as actividades realizadas pelos alunos do Agrupamento Nuno Gonçalves no âmbito das comemorações do centenário da República.

O jovem ardina anuncia o Regicídio: é o fim da Monarquia, vem aí a República! (Dramatização do Regicídio realizada no átrio da EB2,3 Nuno Gonçalves, no dia 1 de Fevereiro, pelos alunos do Clube "Na Onda da História")